20 de fevereiro de 2020

Solta, que vem!

Quando corremos O outro também corre Em direção oposta E se percebermos A atitude se move Numa nova proposta… Solta ,que vem! Ninguém gosta de ser perseguido Ter o espaço invadido Ou sentir-se como bandido… Solta,que vem! Se não voltar, Que bom! Deixa viver,meu bem! Liberte-se!

3 de dezembro de 2019

ACASO

  Um barulho intenso Explode aqui dentro Mistura de medo Dor e tormento Noites mal dormidas Suores espontâneos Frio na barriga Distância que afasta Corações envolvidos Numa paixão que germina Alimentada dia a dia Cresce… Sem saber aonde termina. Se perguntarem quem foi o culpado Não saberia te dizer Talvez o acaso…  

27 de setembro de 2019

Primeiro Amor…

  Voa, voa para o céu, balão! Leva embora minhas dores, Acalma meu coração…   A infância nos mostra Que o importante é brincar Vamos crescendo, crescendo… E de repente! Esbarramos o nosso olhar…   Inocente, percebemos um sentimento Diferente… Que mostra o quanto é bom Estar perto…   Mas um dia, nosso alvo Vai […]

27 de agosto de 2019

Encontro

De repente A porta se abriu Os olhares contidos Brilharam de emoção O peito inflado Segurava os batimentos Que teimava em pulsar forte… Um aperto de mão Um sorriso desconcertado Entre o querer E o desejo controlado… Poucas palavras Despropositadas, Vagas, Devaneios implícitos Inusitados… Despedir,com vontade Do reencontro Almas separadas Quando as portas se fecham…

3 de agosto de 2019

O valor do amor

  Por que quando te beijo Fecho os meus olhos e  começo a sorrir? Porque tudo o que quero Não é ver, é sentir…   Sentir o frio na barriga As pernas tremerem E o ventre contrair…   Os arrepios no corpo O prazer na alma A mão que segura meu rosto E me acalma… […]

17 de junho de 2019

Rosa Rebelde

Observando suas olheiras Vi que algo em ti, Mal fazia Esgotando suas forças Sua mente consumia   Triste seu semblante Apresentava-se Atordoada, notei que estava. Ao longo do dia Em ti repousei Meu sentido Tentando descobrir o motivo   Rebelde seu olhar fugia Cada vez que o meu encontrava Ah!Como és bela, ó Rosa fulgidia! […]

30 de Maio de 2019

Turbulências

O mar revolto Traz lembranças suas Ao chegar diante de meus olhos Afoito de saudades   Turbulento com ansiedade Do encontro Como as ondas tocam A areia e carregam consigo Por um tempo, Você me leva…   Devolve-me como a maré Traz um pouco de mim e leva Entre as muitas águas Vou flutuando em […]

9 de Maio de 2019

FOGO DE AMOR

Centelhas de fogo Explodem como um vulcão Fagulhas sem fim No meu coração   Invadem minha alma Fazendo morada Aquecendo de forma Apaixonada   Queima aqui dentro Aumentando meus desejos Em todo momento De profundo ensejo   Arde sem parar Aumenta a imaginação Até transbordar Quente como um vulcão.             […]

29 de abril de 2019

Dependência

De repente no canto desse quarto Soluços, suspiros Que destroem minha paz   Vago de um lado Para o outro Tentando me acalmar Telefone que não para de tocar Mensagens toda hora…   Ah! Que vontade de quebrá-lo agora… Se apagasse todas as dores que sinto; Sinto, choro, sofro, não minto…   Se eu esquecesse […]

3 de abril de 2019

Desgosto

E acordado estou Olhos lacrimejando Aperto nopeito sinto Muito transtornado   Rolo no lençol Tremo o corpo inteiro Uma febre infernal Ataca-me   Ah! Cabeça que não para Pensamento acelerado Que me invade Tortuosas lembranças…   Minha vida, desgostosa, Sigo… Desejando nunca ter nascido…