27 de agosto de 2019

Encontro

De repente
A porta se abriu
Os olhares contidos
Brilharam de emoção
O peito inflado
Segurava os batimentos
Que teimava em pulsar forte…
Um aperto de mão
Um sorriso desconcertado
Entre o querer
E o desejo controlado…
Poucas palavras
Despropositadas,
Vagas,
Devaneios implícitos
Inusitados…
Despedir,com vontade
Do reencontro
Almas separadas

Quando as portas se fecham…