PRÉ-CAMPANHA
14 de Maio de 2018

MDB de Porangatu declara apoio a Ronaldo Caiado

A pré-candidatura ao governo do senador Ronaldo Caiado (Democratas) ganhou no sábado (12) o reforço de duas lideranças importantes do Norte de Goiás: o ex-prefeito de Porangatu, Eronildo Valadares (MDB), e a ex-deputada estadual Vanuza Valadares, presidente do MDB de Porangatu.

Os dois declararam apoio a Ronaldo Caiado e à reeleição do senador Wilder Morais (Democratas) em evento do bloco de oposição Unidos para Mudar Goiás que reuniu mais de 30 municípios da região.

“A gente vê que neste ano está tudo diferente. A base é que está levando o seu líder ao cargo de governador. Senti que em Porangatu a base quer que a gente apoie Ronaldo Caiado ao governo. Por isso tomamos a decisão de acompanhar a nossa base. O povo está querendo essa mudança e a vez é de Ronaldo Caiado”, explicou Eronildo Valadares pouco depois do evento.

Os líderes estiveram juntos pouco antes do evento no Sindicato Rural, na companhia do deputado estadual José Nelto (Pode), que também é pré-candidato a deputado federal. Após uma breve conversa que durou pouco mais de 10 minutos, eles saíram da casa do ex-prefeito a pé rumo ao Sindicato para participar do evento.

“Participei de muitas campanhas políticas. Mas eu nunca vi uma pré-campanha com esse sentimento de agora, onde o povo é quem está levando carregando. Temos uma grande dificuldade de ser do MDB hoje porque o nosso presidente é uma pessoa de bem, mas ainda não é a vez dele para o governo. O povo quer Caiado e tenho certeza que ele será aclamado governador. Vamos fazer o possível para que possa mudar a história de Goiás”, discursou Eronildo Valadares.

A percepção das lideranças é que o Norte está abandonado pelo atual governo e que a esperança de mudança é a vitória de Ronaldo Caiado nestas eleições. Segundo a ex-deputada Vanuza Valadares, os goianos estão em busca de um gestor comprometido com a qualidade de vida dos cidadãos e que escute as suas demandas.

“Um bom líder escuta o seu povo. Como políticos temos a responsabilidade de buscar esse entendimento do que é melhor para cada um. Porangatu e nossa região estão esquecidas há muito tempo. O governo que está aí há 20 anos não tem o coração voltado para nossa região”, resumiu.

De acordo com a presidente municipal do MDB, o que impera hoje é o sentimento de mudança. “As pessoas hoje não confiam na política. Para poder confiar temos de acreditar. E temos de acreditar em quem tem um passado limpo. Ronaldo Caiado foi candidato em 2014 junto com MDB, que abraçou sua candidatura. O partido se apaixonou por ele e continua apaixonado. Agora houve a divisão do partido. Isso é muito ruim porque temos dificuldade de abraçar a campanha de outro candidato. Ronaldo Caiado é MDB, tem o coração no MDB”, assegurou a ex-deputada.

Para o deputado José Nelto, que por muitos anos ingressou as fileiras do MDB, este encontro hoje vai ficar na memória da cidade e do Norte de Goiás. Conforme o parlamentar, grande parte do MDB abraça a pré-candidatura de Ronaldo Caiado. “Lutei muito para a unidade da oposição. Fizemos mais de 50 reuniões com Maguito, Ronaldo Caiado e os prefeitos Adib Elias (Catalão, Ernesto Roller (Formosa), Paulo do Vale (Rio Verde), Renato de Castro (Goianésia) e Fausto Mariano (Turvânia) para que a oposição pudesse sair unida para ganharmos as eleições no primeiro turno. Trabalhei muito a decisão de apoiar uma candidatura única porque o povo não aguenta mais mentira e enganação. Não aguenta mais ver o governo da propaganda, mentira e corrupção. Fui o político que mais trabalhou pela aliança de Ronaldo Caiado com MDB. Muita gente fala que agora chegou a vez do MDB. Chegou mesmo, junto com Ronaldo Caiado”, afirmou.

Novo caminho para o Norte

O senador Wilder Morais lembrou que o Norte precisa propiciar a vinda de universidades e de novas indústrias para poder dar oportunidade de crescimento aos seus moradores. “As pessoas têm direito de ter oportunidade na vida. Queremos ajudar a trazer aqui a universidade do Norte. A região está esquecida. E hoje o que ela precisa é de incentivo. Temos de aproveitar a ótima logística daqui para trazer empresas para cá. O povo precisa de emprego”, afirmou. Em vez disso, no entanto, o Norte tem enfrentado apenas escassez. “Precisamos resgastar a região norte, que sofre com falta de investimentos e de infraestrutura”, resumiu.

Pré-candidato a deputado estadual pelo PSDC, Rodrigo Azevedo testemunhou o descaso que o governo tem pelo Norte. Os moradores, afirmou, querem mudar este quadro. “Em todas as casas que tenho entrado em toda a região Norte as pessoas estão atrás de um único objetivo: melhoras para o Norte de Goiás. Elas relatam as dificuldades que estão vivendo na saúde, educação, infraestrutura, turismo e lazer”, contou.

Segundo ele, a saúde é um grande gargalo. “Na saúde aqui na região muitas vidas já se foram por falta de uma vaga na UTI. Quantas famílias aqui estão à espera de uma regulação em Goiânia? A saúde no Norte pede socorro urgente Temos o Hospital de Uruaçu que foi inaugurado não sei quantas vezes e está lá parado. São obras puramente eleitoreiras, que só servem para angariar votos”, lamentou.

Rodrigo Azevedo mostrou confiança de que Ronaldo Caiado pode mudar esta realidade. “Ronaldo Caiado tem coragem e vai acabar o balcão de negócios montado neste governo em troca de votos. Quando ele fizer isso vai sobrar dinheiro para investimentos. Você é nossa esperança. Juntos vamos poder mudar a história do povo de Goiás”, conclamou.

Prefeito de Santa Terezinha, Marcos Cabral (Democratas) aproveitou o encontro para pedir o compromisso dos senadores por um novo pacto federativo. “O nosso próximo governador irá governar com os municípios e as lideranças. Precisamos de um governo enérgico com capacidade de criar políticas que possam ajudar no desenvolvimento do Norte. Acreditamos na lealdade, na honestidade, na capacidade de gestão de Ronaldo Caiado e Wilder Morais. Não é fácil governar sem um novo pacto com os municípios”, lembrou.

Ronaldo Caiado se compromete a criar fundo de valorização da polícia e dos professores

Emocionado com os apoios recebidos em Porangatu, Ronaldo Caiado listou os municípios do Norte presentes no encontro e enalteceu o entusiasmo das lideranças por mudanças. “Tenho de dizer meu muito obrigado de coração. Isso que nos anima, nos fortalece e nos dá cada vez mais a sensação de que estamos no caminho certo. Todos vieram de forma espontânea. Isso me deixa muito gratificado”, afirmou.

Em seu discurso, o parlamentar fez questão de reforçar a relação estreita que tem com o MDB, a quem afirma ser leal. “É uma característica forte minha. Nunca trai, nunca enganei, nunca troquei lideranças por benefícios. Da mesma forma que MDB me acolheu, se chegarmos lá vamos saber ter respeito aos nossos aliados. Isso é gratidão”, afirmou.

Durante a sua fala, o senador adiantou uma pequena parte do plano de governo que tem sido elaborado com base em sugestões de especialistas, lideranças e representantes de entidades e da sociedade civil organizada.

“Eu guardei aqui para essa reunião hoje o primeiro ponto do meu plano de governo. Será um fundo de valorização dos professores do Estado. Também faremos um fundo de valorização do do policial do Estado. Queremos investir pesado nisso. Vamos apresentar um ponto do plano de governo em cada caminhada”, adiantou.

Segundo ele, estas são categorias que estão carecendo de maior incentivo hoje. “Ninguém governa sozinho, desestimulado, desacreditando. Para acreditar o governante tem de ter autoridade moral. Não tenho nenhum processo judicial, vocês nunca viram meu nome envolvido em bandalheira”, recordou. Ronaldo Caiado acredita que o cidadão precisa voltar a ter confiança no Estado. “Hoje o cidadão não confia mais. O Estado se acovardou diante da bandidagem. Faz vista grossa”, lamentou.

O encontro teve a presença do presidente da Faeg, José Mário Schreiner; do presidente estadual do PSDC, Luiz Gustavo Sampaio; do Vateco, pai do prefeito Sávio, de Pilar de Goiás; e dos deputados Major Araújo (PRP) e Delegado Waldir (PSL). Lideranças, prefeitos e vereadores do Norte/Nordeste goiano compareceram.